Brumado Urgente

Brumado Urgente


Em novo encontro com o governador Rui Costa, prefeito de Brumado cobra urgência na implantação da Policlínica

Sexta | 18.12.2015 | 10h40


O prefeito Aguiberto, o governador Rui Costa e o secretário Claudio Feres durante a reunião com os prefeitos no auditório da Seinfra em Salvador (Foto: Divulgação)

Brumado se tornou, nos últimos anos, uma referência regional na área de Saúde Pública, resultado de muitos investimentos e esforços que promoveram a Saúde Plena e fizeram do município sede da microrregião, concedendo o status de excelência na prestação de serviços do setor. Hoje são 20 municípios que são conveniados a Brumado, que hoje tem um Hospital em constante fortalecimento estrutural, que pode, agora em 2016, receber uma UTI, além de contar com o Lacen, Clínica de Hemodiálise, Hemoba e outros órgãos satélites que são utilizadas por milhares de pacientes. Esses atributos fizeram com que o Governo do Estado viesse a escolher Brumado para receber uma das Policlínicas consorciadas que serão implantadas em alguns municípios da Bahia, mas, recentemente um grupo liderado pelo prefeito de Paramirim, Julio Bernardo, vem querendo criar resistência e buscando levar a unidade para o referido município, o que provocou uma forte pressão por parte do gestor brumadense ao governador Rui Costa, para que o bom senso prevaleça. Nesta quinta-feira (17), durante o encontro no auditório da Seinfra, em Salvador, para se tratar das medidas para evitar o avanço da tríplice endemia (Dengue, Chikungunya e Zika Vírus), o prefeito Aguiberto, que estava acompanhado do secretário Claudio Feres, teve um novo encontro com Rui Costa e aproveitou o momento e pressionou novamente o governador para que a decisão seja logo tomada, pois, indiscutivelmente, Brumado reúne todas as condições para abrigar a Policlínica. “Nós não iremos descansar enquanto isso não acontecer, pois seria uma grande incoerência a Policlínica ser implantada em outro município que não seja Brumado” relatou Aguiberto que ainda destacou que “pela minha conversa com o governador eu creio que isso ficou bem claro e espero que a decisão seja logo homologada por ele, pois é uma questão, acima de tudo, de consciência administrativa, então, acredito que muito em breve teremos esta grande notícia que irá dimensionar ainda mais a saúde pública de nosso município”. 

 

Comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.