Presidente do legislativo, vereador Alessandro Lôbo participa de inauguração de SETAF

  • ASCOM/CMB/Eliana Costa
  • 06 Nov 2015
  • 13:10h

O presidente do Legislativo de Brumado, vereador Alessandro Lôbo fez parte dos convidados especiais do evento (Foto: Daniel Simurro | Brumado Urgente)

Na manhã da última quinta-feira (05) o presidente do legislativo brumadense, vereador Alessandro Lôbo e Silva esteve presente na inauguração do SETAF – Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar, juntamente com o prefeito Aguiberto Lima Dias, o secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, deputados estaduais e federais, prefeitos da região, população em geral. O SETAF atenderá 19 municípios da região tendo como objetivo principal fomentar a agricultura familiar dos municípios integrantes com programas e projetos que ajudarão o agricultor a desenvolver suas lavouras com inovações tecnológicas, agregação de valores, entre outros conhecimentos necessários para a boa colheita e lucro efetivo.  O secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues esteve presente ao evento destacando a importância da inauguração do órgão em Brumado ressaltando a importância do município na região. Para o presidente da Câmara, vereador Alessandro Lôbo enfatizou que a inauguração do escritório central do SETAF em Brumado demonstra toda sua potencialidade e com certeza oferecerá aos agricultores locais e dos 19 municípios que compõem esse núcleo informações importantes para o desenvolvimento das lavouras, oportunizando a todos obterem lucratividade com novas tecnologias e conhecimentos. “O SETAF é uma grande conquista para nosso município e possibilitará que nossos agricultores, principalmente os que realizam a agricultura familiar uma maior atenção, novas ações, que evitarão o êxodo rural. O fortalecimento da agricultura familiar e de suma importância e precisamos sempre buscar meios para que tenham uma vida de melhor qualidade”, pontuou Alessandro Lôbo. 

‘Podem dar as costas para mim, mas que fiquem de frente para os 10 mil alunos que estão sem aula’, afirma prefeito de Brumado

  • Daniel Simurro | Brumado Urgente
  • 06 Nov 2015
  • 12:45h

O prefeito Aguiberto frisou que espera que os professores avaliem melhor o fato dos 10 mil alunos estarem sem aula (Foto: Daniel Simurro | Brumado Urgente)

A tensão decorrente da falta de um acordo entre APLB, que representa os professores municipais de Brumado e o Poder Executivo, começa a ganhar uma densidade ainda maior, tendo no meio desse cabo de guerra, alunos e pais, que já têm deixado bem claro o sentimento de preocupação e o anseio para que o impasse termine o quanto antes e as aulas sejam retomadas, o que, ainda parece distante, já que o enfrentamento entre as partes fica cada vez maior. Na manhã desta quinta-feira (05), durante a inauguração do escritório regional do Setaf, isso ficou evidente, pois os professores, mesmo antes do evento acontecer, marcharam resolutos com faixas e cornetas, fazendo protestos veementes contra o prefeito Aguiberto Lima Dias, gritando “professores na rua, prefeito a culpa é sua”. Mostrando determinação, eles entraram no ambiente inaugural e, durante a fala do prefeito viraram as costas em sinal de protesto. A atitude foi comentada pelo gestor, que, primeiramente frisou que “eu quero cumprimentar os professores que estão aqui fazendo as suas reivindicações, mas quero deixar bem claro que já fizemos todos os esforços para buscarmos um acordo, mas até agora eles se mostraram inflexíveis, o que vem dificultando a solução”. Em tom de desafio, o prefeito elevou o clima de suas palavras declarando que “eu até aceito que virem as costas para mim, mas espero que o bom senso impere e que eles não virem, isso sim, as costas, como estão fazendo, para os 10 mil alunos que estão aflitos querendo que as aulas voltem o mais rápido possível”. Em contato com membros do comando da greve dos professores eles afirmaram que o acordo ainda está distante e que esperam sim é o bom senso do prefeito. “A questão não é a falta de dinheiro e sim o fato dele manter centenas de cargos comissionados e contratados, em detrimento da nossa causa. Se ele desse valor para a Educação exoneraria esses cargos e concederia o reajuste que nós estamos pedindo, que é justo, pois está de acordo com a atual realidade”. Em seguida nossa equipe falou com o prefeito que reafirmou que “espero que o fiel da balança seja os 10 mil alunos que estão fora da sala de aula. Já oferecemos o melhor, a justiça já declarou o movimento ilegal, tanto que a baderna começa a ser a tônica dos protestos e deixo aqui o questionamento de quem ganhará com isso. A verdade é que todos perdem, principalmente os alunos que serão os mais prejudicados”.  

Os professores ficaram de costas durante a fala do prefeito em sinal de protesto (Foto: Daniel Simurro | Brumado Urgente)

Aborto legal: Iperba fez 147 em 3 anos, 16 vezes menos que abortos inseguros

  • 06 Nov 2015
  • 12:28h

(Foto: Reprodução)

O número de unidades de saúde autorizadas a realizar aborto legalmente no Brasil reduziu nos últimos três anos – de 65 para 63, segundo informações do jornal O Estado de São Paulo, mas isso não ocorreu no estado. Isso porque o Instituto de Perinatologia da Bahia (Iperba), localizado no bairro de Brotas, em Salvador, permanece como único local que pode fazer a interrupção da gravidez nos casos permitidos por lei – gestações resultantes de estupros, que exponham a mãe a risco de morte, e de anéncefalos (quando o feto não tem cérebro). Em 2013, o governo anunciou que seria feita a ampliação da rede autorizada, acrescentando as maternidades Tsylla Balbino e Albert Sabin, além do Hospital Geral João Batista Caribé. Segundo Olga Sampaio, coordenadora de Ciclo de Vida e Gênero da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), a ampliação das unidades não ocorreu por conta do contingenciamento de despesas e no investimento em áreas prioritárias e estratégicas. ”É uma prioridade, é um problema de saúde pública no qual a gente vem trabalhando. Avançamos em outras áreas, mas não conseguimos ampliar. No entanto, conseguimos qualificar o Iperba, que é o centro de referência no estado”, explicou, acrescentando que “nenhuma mulher que procurou a unidade deixou de ser assistida”. Segundo dados divulgados pela Sesab, a unidade realizou 40 abortos legalizados este ano. Em 2013 e 2014, a unidade realizou, respectivamente, 43 e 64 abortos legalizados - o que soma 147 procedimentos nos últimos três anos.

O Iperba atendeu também, somente entre 1º de abril e 2 de novembro deste ano, 12.873 mulheres no pronto-atendimento e 13.534 no ambulatório. De acordo com a diretora do Iperba, Dolores Fernandez, enquadram-se no atendimento ambulatorial consultas de ginecologia e pré-natal, incluindo as consultas preparatórias da realização do procedimento de interrupção da gestação. “A gente tem na nossa estatística os abortos de maneira geral, dela são separados abortos previstos por lei e inseguros, incluindo espontâneos. A gente não faz uma investigação, se a mulher provocou, se não provocou”, afirma Dolores. Dos atendimentos emergenciais ocorridos em 2015 no Iperba, 506 estavam relacionados a casos de abortos inseguros, categoria na qual são registrados os abortos espontâneos e provocados. O número é 12,6 vezes maior que o de procedimentos autorizados por lei e representa o triplo dos abortos legalizados feitos pelo hospital nos últimos três anos. Em 2013 e 2014 foram atendidas 927 mulheres (em cada ano) em situação de aborto inseguro – respectivamente, 21 e 14 vezes mais que os casos apoiados na lei. Somados, os casos de abortos inseguros atendidos entre 2013 e 2015 representam 16 vezes o número de procedimentos legais realizados pelo Iperba no mesmo período. A média mensal de abortos inseguros registrados na unidade é de 50,6 (2015), 77,25 (2014 e 2013). Nenhuma morte materna em decorrência de aborto foi registrada na unidade, de acordo com os dados da Sesab. Segundo Dolores, além de pacientes de Salvador, boa parte das mulheres atendidas na unidade vem da Região Metropolitana: Lauro de Freitas, Simões Filho, Dias D´Ávila e Camaçari. “Nós não temos como dizer quantas são de Lauro de Freitas, quantas são Simões Filho, porque nosso sistema é parcialmente informatizado”, explica a diretora. 

CONTINUE LENDO

Motoristas de vans protestam na BR-116, em Vitória da Conquista

  • 06 Nov 2015
  • 11:25h

Motoristas enfrentam congestionamento na rodovia (Foto: Anderson Oliveira/ Blog do Anderson)

Um protesto de motoristas de vans complica o fluxo de veículos na BR-116, em Vitória da Conquista, região sudoeste da Bahia, na manhã desta sexta-feira (6). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a mobilização começou por volta das 5h e os manifestantes ocupam uma faixa da via no km-829. A PRF informa que os integrantes do protesto não informaram o motivo da manifestação e pediram para falar com um representante da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Parte do dinheiro no exterior é fruto de venda de carne enlatada, diz Cunha

  • 06 Nov 2015
  • 10:33h

Foto: Lula Marques/ Agência PT

Acusado pela Procuradoria Geral da República de ter recebido pelo menos US$ 5 milhões em propina do esquema de corrupção na Petrobras, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), vai alegar em sua defesa no Conselho de Ética da Casa que desconhecia a origem do depósito de 1,3 milhão de francos suíços feitos em 2011 em um fundo do deputado na Suíça e que todo o dinheiro que tem fora do país é fruto de venda de carne enlatada para a África e de operações no mercado financeiro. Pelo que apurou a reportagem, ele dirá que "não reconhece" como seu o montante depositado "à sua revelia" em 2011 pelo lobista João Henriques, que era ligado ao PMDB e foi preso na Operação Lava Jato. O deputado suspeita, porém, que o depósito seria o pagamento de um empréstimo feito por ele ao ex-deputado Fernando Diniz, do PMDB, que morreu em 2009. Em depoimento à Polícia Federal, Henriques disse que enviou o dinheiro a pedido do economista Felipe Diniz, filho do ex-deputado, e que não sabia quem era o beneficiário. Em 2007, primeiro ano do segundo mandato de Luiz Inácio Lula da Silva, Cunha e Diniz eram muito amigos e integravam o núcleo duro do PMDB na Câmara. Nesse período, Diniz teria perdido muito dinheiro em negócios fora do país e por isso pediu ajuda. Cunha fez então um empréstimo de US$ 1,5 milhão para o colega. A dívida teria, segundo o deputado, "morrido junto com Diniz". A principal linha de defesa de Cunha será que todo o recurso no exterior é fruto de atividade de operações financeiras feitas nos anos 80, antes do começo de sua vida pública, quando ele descobriu a oportunidade de vender carne enlatada em consignação para países africanos. Para escapar da cassação de seu mandato no Conselho de Ética da Câmara por falta de decoro parlamentar por ter supostamente mentido durante depoimento na CPI da Petrobras em março, quando afirmou que não tinha recursos depositados naquele país ou em algum paraíso fiscal, o presidente da Câmara afirmará que não possui contas correntes, mas dois Trust - entrega de um bem ou um valor a uma instituição (fiduciário) para que seja administrado em favor do depositante ou de outra pessoa por ele indicada (beneficiário). O deputado afirma que não houve depósito, só saída e rendimento de aplicações.

Bairro Dr. Juracy tem várias obras inauguradas na noite desta quinta-feira (05)

  • Daniel Simurro | Brumado Urgente
  • 06 Nov 2015
  • 09:42h

O momento do descerramento da placa inaugural (Foto: Daniel Simurro | Brumado Urgente)

O prefeito Aguiberto Lima Dias, juntamente com os secretários municipais André Cardoso (Infraestrutura) e Claudio Feres (Saúde) e os vereadores Santinho, Castilho Viana e Zé Carlos dos Reis comandaram as inaugurações que aconteceram na noite desta quinta-feira (05) no Bairro Dr. Juracy, tendo a presença também do deputado Vitor Bonfim (PDT). O presidente da Associação dos Moradores do Bairro Dr. Juracy, Jobson Cruz, também se fez presente para acompanhar o evento. Na oportunidade foi entregue à comunidade a Academia de Saúde, a Praça da Saúde, a reforma da quadra poliesportiva e a pavimentação asfáltica de 6 ruas do bairro. Com destaque para a Academia de Saúde, que irá promover inúmeras ações visando a melhoria da qualidade de vida dos moradores, como acompanhamento nutricional, médico e também de um educador físico, que estará passando orientações importantes para a prática correta de exercícios físicos e atividades similares. Na oportunidade o prefeito Aguiberto destacou a importância das obras citando que “essas são ações importantes que estão sendo feitas pela nossa gestão mesmo em meio a esse momento de forte crise, mas, como havíamos nos compromissado, hoje estamos aqui para honrar a nossa palavra e entregar à comunidade a Academia da Saúde, a Praça da Saúde, a reforma da quadra e o asfaltamento de 6 vias do bairro, em suma, ações importantes que irão promover avanços significativos para o Bairro Dr. Juracy”. O deputado Vitor Bonfim destacou em sua fala os esforços do prefeito, que, mesmo em tempos difíceis, não deixou de atender os anseios dos moradores do Dr. Juracy. “O prefeito Aguiberto está de parabéns, pois mostrou uma grande competência administrativa em trazer importantes avanços para esse bairro”. 

A comunidade prestigiou o evento (Foto: Daniel Simurro | Brumado Urgente)

Durante inauguração do Setaf membros do PT de Brumado fazem articulações políticas com o deputado Zé Raimundo

  • Daniel Simurro | Brumado Urgente
  • 06 Nov 2015
  • 09:01h

O encontro com o deputado Zé Raimundo foi avaliado como muito positivo e contou também com a presença do vereador Édio Pereira do PC do B (Foto: Daniel Simurro | Brumado Urgente)

A inauguração do Setaf – Serviço Territorial de Apoio a Agricultura Familiar foi muito concorrida com a presença de lideranças e forças políticas de toda a região, mas, o evento também serviu para articulações políticas de bastidores e, aproveitando a vinda do deputado estadual Zé Raimundo (PT), que na oportunidade representou o deputado Waldenor Pereira (PT) que teve que ficar em Brasília devido às votações do congresso, os vereadores Catoze, Zé Carlos de Jonas, Zé Ribeiro e o ex-vice-prefeito Zé Luiz Alves Ataíde tiveram importantes conversas sobre os rumos da política e também falaram sobre o planejamento para as eleições de 2016. O Brumado Urgente falou com eles que não negaram o otimismo quanto ao pleito futuro. Durante um trecho da conversa, o vereador Édio Pereira (PC do B) também participou, já que ele teve a sua pré-candidatura lançada e, como parceiro histórico do PT, irá buscar uma aliança visando às eleições municipais. “Estamos iniciando o planejamento para as eleições de 2016 e já começamos uma série de encontros, principalmente com os deputados Zé Raimundo e Waldenor, que são as nossas grandes lideranças regionais e federais, acreditamos num projeto bem sólido e estamos já muito confiantes para a disputa”, relataram. Sobre uma possível aliança com o PC do B, eles disseram que “ainda é cedo para falarmos sobre esse assunto. O PC do B é um aliado histórico e poderá sim fazer uma aliança conosco, mas, primeiramente vamos objetivar o foco na nossa legenda e, após isso, naturalmente irão surgir as reuniões nesse sentido. Mas em suma, o grupo oposicionista está muito fortalecido e confiante e a projeção é mais positiva possível”. O deputado Zé Raimundo, aproveitou a oportunidade e confirmou que estará na disputa pré-eleitoral do PT visando as eleições municipais de Vitória da Conquista. 

Professora da Ufba é eleita para vaga na Academia de Letras da Bahia

  • 06 Nov 2015
  • 08:34h

Suzana é professora do Instituto de Letras da Ufba (Foto: Ricardo Follador/ Divulgação ALB)

A professora emérita do Instituto de Letras da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Suzana Alice Marcelino da Silva Cardoso, foi eleita na noite de quinta-feira (5) a nova imortal da Academia de Letras da Bahia. Ela ocupará a cadeira nº 28, vaga desde amorte da historiadora Consuelo Pondé de Sena, em maio deste ano. A solenidade de posse ainda será agendada. A acadêmica atua principalmente na área dadialectologia (estudo de dialetos), geolinguística (campo entre linguística e geografia), português do Brasil, língua portuguesa e variação. “Um sentimento especial em integrar este sodalício, que demonstra com robustez a sua existência e o seu papel na história cultural da Bahia e do Brasil”, disse Suzana Alice, durante a cerimônia de eleição. Suzana Alice possui graduação em Letras Neolatinas pela Universidade Federal da Bahia (1960), mestrado em Letras e Lingüística pela Universidade Federal da Bahia (1979) e doutorado em Letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2002). Ela também foi presidente da Associação Brasileira de Linguística (1993-1995) e é diretora-presidente do Projeto Atlas Linguístico do Brasil.

Em cinco anos, falsas Oscips desviaram verbas de 39 prefeituras da Bahia

  • 06 Nov 2015
  • 07:43h

(Foto: Divulgação/Receita Federal)

O valor faturado pelo esquema fraudulento envolvendo sete falsas Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) e prefeituras baianas chegou a R$ 360 milhões no período de cinco anos, segundo informações da Polícia Federal, divulgadas na tarde desta quinta-feira (5), durante coletiva. Desse valor, a PF calcular que R$ 90 milhões foram desviados. Outros R$ 85 milhões foram sonegados.  Entre 2010 e 2015, as falsas organizações celebraram contratos de prestação de serviços e mão de obra com 39 municípios da Bahia. Do valor faturado, R$ 80 milhões foram apenas da prefeitura de Barreiras.

O esquema – que era movimentado por duas organizações criminosas – foi desarticulado pela Operação Infecto, deflagrada pela Polícia Federal (PF), em parceria com a Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Ministério Público Federal. Ao todo, dez mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Salvador, Juazeiro, Jacobina, Valença e Petrolina (PE), em escritórios, casas e uma empresa de laranjas ligados ao esquema. Nesses locais, a polícia apreendeu documentos utilizados nas fraudes e uma picape Hilux.  Durante fiscalização da Controladoria Geral da União (CGU), ficou constatada a atuação das organizações criminosas nos municípios de Barreiras, Uauá, Ipirá, Quixabeira e Valença. Nesses municípios, a Controladoria detectou contratos que demonstram a prestação de serviços das falsas Oscips, que atuavam como empresas de terceirização de mão de obra para as áreas de Saúde, Educação e Transportes.De acordo com Maurício Salin, delegado da Polícia Federal responsável pela investigação, o esquema consistia na formação de falsas organizações civis para desvio de dinheiro público. “Inicialmente, as Oscips cooptavam laranjas para formação dessas instituições e buscavam os municípios para formalizar contratos de prestação de serviços. A proposta constituía em fraudar os processos licitatórios para contratação e desviar dinheiro público. Nós identificamos que havia uma margem de desvio de dinheiro público de 8 a 20% na execução de cada contrato. Fora isso, havia todo o aspecto tributário, de sonegação e apropriação indevida de tributos”, explicou o delegado. 

Sonegação
Além do desvio de dinheiro, segundo o superintendente adjunto da 5ª Região Fiscal, da Receita Federal, Demin Fagundes, os criminosos também são responsáveis por sonegarem ao fisco R$ 85 milhões em impostos e contribuições previdenciárias. As investigações contra as organizações tiveram início no ano de 2012, quando funcionários terceirizados pelas Oscips que prestavam serviço às prefeituras tiveram problemas com a Receita Federal. “Alguns médicos caíram na malha fina. Com o cruzamento de dados, foi detectado que as Oscips não repassavam para a Receita Federal toda a atribuição devida pela prestação de serviço dos médicos. Na medida em que a Receita verificou essa situação, ela encaminhou os fatos para a Polícia Federal e para o Ministério Público Federal”, explicou Salin. “Toda a fonte pagadora é obrigada a apresentar uma declaração chamada Dirf (Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte). As declarações apresentadas pelas entidades não tinham a equivalência em termos de recolhimento desse valor retido”, disse Fagundes. Entre as Oscip que vêm sendo utilizadas no esquema, a PF identificou as seguintes: Cecosap, Inat, Isade, Ises, ITCA, ISO e Idepe. 

O outro lado
Por telefone, o CORREIO procurou todas as prefeituras citadas, tanto nos telefones fixos das sedes municipais quanto nos celulares dos prefeitos. A reportagem não teve as ligações atendidas ao procurar posicionamento das prefeituras de Ipirá, Quixabeira, Uauá e Valença. Por email, foram procuras as prefeituras de Ipirá e Uauá, que fornecem endereços eletrônicos em seus sites. Nenhuma das duas respondeu, ainda. A prefeitura de Barreiras informou que o prefeito, Antônio Henrique Moreira (PP), participava de evento, em Salvador. Ele não atendeu às ligações e um assessor direto foi procurado, mas não respondeu. As Oscip citadas pela PF também não foram localizadas.

39 municípios
De acordo com o delegado Salin, nem todos os 39 municípios com indícios de irregularidades estão sendo investigados nesta primeira fase da operação. “Cada município tem que ser objeto de uma investigação específica. Essa é a nossa dificuldade. Não dá para trazer para uma única investigação, 50, 60 municípios. (...) A ideia é que dentro da nossa investigação a gente produza informações para subsidiar a investigação de outros inquéritos”, explicou.  Na próxima fase da operação – que ainda não tem data para ser iniciada – a polícia ouvirá os agentes públicos que firmaram contrato com as Oscips. Além disso, a polícia também analisará o material coletado na primeira fase da operação. 

CONTINUE LENDO

Uneb vai ofertar trinta cursos a menos em 2016.1

  • A Tarde
  • 06 Nov 2015
  • 07:02h

(Foto: Reprodução)

O vestibular do primeiro semestre de 2016 da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) vai oferecer aos estudantes apenas 109 dos 139 cursos. Já no segundo, 29 cursos (alguns vão se repetir) estarão disponíveis. A instituição explica que a redução se deve ao descompasso entre os calendários acadêmico e civil, gerado pelas greve dos professores deste ano.  A universidade geralmente oferecia todas as opções duas vezes, uma em cada semestre, apesar de realizar apenas um vestibular. No ano que vem, algumas serão exclusivas em cada semestre e outras vão se repetir no segundo. Na primeira entrada, alguns cursos usarão a notas do vestibular próprio da Uneb e outros, a nota do Enem de 2015. Já em 2016.2, o ingresso será por meio unicamente da nota do Exame Nacional.  A instituição justifica que essa alternativa escolhida para organização dos processos seletivos visa reduzir os impactos do descompasso entre os calendários acadêmico e civil, além de garantir ao estudante a possibilidade de escolha da opção de curso que deseja mais próximo do início das aulas no segundo período. As inscrições para o ingresso de estudantes em 2016.1 abriram no dia 3 de novembro. No site da universidade é possível ver a lista dos cursos oferecidos que vão utilizar a nota do vestibular através do edital. Aqueles que vão aderir ao Enem ainda não foram divulgados, pois é preciso esperar a publicação do edital do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Os interessados terão até o dia 29 de novembro para garantir participação no processo seletivo. A taxa é de R$ 70.

 

Acordar durante a noite é mais prejudicial para humor que dormir pouco

  • 05 Nov 2015
  • 20:34h

(Foto: Reprodução)

Pesquisa realizada nos Estados Unidos concluiu que acordar várias vezes durante a noite provoca mais mau humor do que dormir poucas horas. Testes com 62 pessoas descobriram que despertares forçados levam a uma queda mais significativa no sono profundo, normalmente associado ao descanso. Segundo o jornal Extra, por conta disso, "os sentimentos de simpatia e cordialidade" são afetados, o que leva ao estresse e risco de depressão. Os participantes foram divididos em dois grupos: um que dormia pouco e outro que tinha o sono fragmentado. Após a primeira noite, aqueles com sono interrompido diversas vezes apresentaram maior declínio de humor. "O sono profundo faz com que os neurotransmissores se equilibrem, então o emocional melhora e a pessoa fica menos irritada", explicou a neurologista Andrea Bacelar. "Quem fragmenta muito o sono pode até ter um tempo de descanso maior, mas a duração do sono profundo fica menor e isso interfere mais no humor".

Número de mulheres presas sobe mais de 500% desde o início do século no Brasil

  • 05 Nov 2015
  • 19:32h

(Foto: Reprodução)

O número de mulheres presas no Brasil aumentou 567,4% entre 2000 e 2014, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Ministério da Justiça. De acordo com a Agência Brasil, no mesmo período, o número de homens presos cresceu 220,20%. A pesquisa levantou dados de 1.424 unidades prisionais do sistema penitenciário estadual e federal no mês de junho de 2014. Ainda assim o número de homens nas prisões do país é muito superior. De um total de 579.781 pessoas, 37.380 são mulheres. O estudo também apontou que o sistema penitenciário brasileiro é o quinto em número absoluto de mulheres no mundo, atrás dos Estados Unidos (205.400 detentas), da China (103.766) Rússia (53.304) e Tailândia (44.751). Os dados do Ministério da Justiça também apontam que 50% da população feminina tem entre 18 e 29 anos. Na comparação com os homens, elas apresentam condição de escolaridade melhor. “Apenas 4% das mulheres encarceradas são analfabetas, contra 5% dos homens; 11% concluíram o ensino médio, contra 7% dos homens”, afirma o relatório.

Brumado: Professores do Campus XX da Uneb denunciam que estão sendo prejudicados pela atual gestão

  • Brumado Urgente
  • 05 Nov 2015
  • 18:51h

(Fotomontagem: Brumado Urgente)

O Campus XX da Uneb de Brumado continua no “headline” da mídia local, devido a uma série de fatos que envolveram a instituição nos últimos dias, tendo, inclusive, o afastamento do atual diretor sendo efetuado por ordem de uma decisão liminar da justiça. Neste contexto, a redação do Brumado Urgente recebeu, nesta quinta-feira (05) um manifesto dos docentes do Colegiado de Letras e Direito, que ensinam no departamento, no qual uma série de denúncias graves estão sendo feitas contra a atual gestão. Episódios preocupantes foram narrados como uma consciência cidadã equivocada por parte do setor financeiro que estaria agindo desrespeitando totalmente o conceito do bem público, aplicando uma linha subjetiva em suas ações, como se fosse uma instituição privada, vetando a liberação de recursos para os professores executarem as suas atividades, mas, em contrapartida, não faltando verbas sempre que eventos festivos são agendados. Os professores alegam também que existe um critério totalmente confuso na distribuição de passagens, onde estariam sendo privilegiados os técnicos e outros funcionários que recebem passagens para ônibus leitos, enquanto os professores são obrigados a viajar em ônibus comuns. A grande concentração das denúncias tem como alvo o atual apartamento em que os professores se hospedam em Brumado, que foge totalmente aos padrões do bom senso público, tendo as suas acomodações inapropriadas para o bem estar dos docentes. Localizada no Conjunto Residencial Parque das Palmeiras, que, por sinal, é do mesmo proprietário do extinto Shopping Appio, que irá abrigar a nova sede do campus, que no entendimento de alguns seria parte de um lobby, o apartamento teria falhas estruturais que incomodam os docentes, os quais ainda reclamam que quartos são trancados ferindo mais uma vez o conceito de bem público, já que a residência tem esse escopo. Por fim, a denúncia tem como objetivo principal fazer valer o conceito de coisa pública e dar respeito aos docentes por meio de uma gestão respeitosa. Confira as fotos anexas e a denúncia na íntegra clicando em (+)

A situação da atual residência é considerada ineficiente pelos professores (Fotos: Brumado Urgente)

DENÚNCIA PÚBLICA

(Faz-se preciso destacar que esta denúncia não possui nenhuma relação e nem foi motivada pelos atuais eventos ocorridos com o atual diretor da UNEB/ Campus XX - Brumado)

Para conhecimento da Comunidade Acadêmica e do Povo Brumadense:

 

SOBRE AS PASSAGENS DOS PROFESSORES

 

  • Há mais de um ano, os professores da Uneb/Campus XX estão sem receber passagens em função da morosidade estratégica do funcionário responsável pelo financeiro no departamento. Apesar do Reitor ter mantido a continuidade da liberação das passagens, por reconhecer sua viabilidade e o orçamento dos departamentos, o funcionário do financeiro não tem se mostrado interessado na resolução desse impasse, que nunca ocorreu nas gestões de departamento anteriores. E essa morosidade estratégica tem a anuência do diretor do departamento, pois nunca houve suspensão das passagens. O que mudou apenas foi o processo de compra;
     
  •  O responsável pelo financeiro do departamento possui um entendimento confuso na compreensão dos conceitos de público e de privado. Sempre deixa a impressão de que os direitos assegurados aos professores e demais funcionários do campus são possíveis graças a sua vontade, como se o dinheiro decorrente dessas despesas saíssem do seu próprio bolso. O que se constitui em consciência cidadã equivocada;
     
  • O que causa espanto é o fato de que para os deslocamentos dos técnicos e do diretor do departamento nunca faltam passagens para viagens em ônibus leito e semi-leito, enquanto os professores estão sem receber as passagens convencionais para seu deslocamento ao trabalho. Vale ressaltar, também, que o funcionário responsável pelo financeiro do departamento não é concursado e goza de privilégios abusivos que merecem uma intervenção, ainda que tenha a anuência do diretor para tais desmandos;
     
  • O responsável pelo financeiro do departamento não tem planejamento para cumprimento das ações que envolvem a vida dos professores, sempre e estrategicamente, atribuindo a lentidão dos processos à burocracia, como no caso das passagens. Além disso, faz o próprio horário de trabalho. Na atual programação das paralisações dos técnicos, enforcou vários dias de trabalho além dos definidos pela categoria, prejudicando o andamento do setor pessoal. Cabe-nos fazer uma pergunta: quem fará o envio de suas faltas? Até os pagamentos do Programa Universidade Para Todos (UPT) se encontram em atraso, já com todo o recurso disponível para pagamentos dos monitores e demais contratados referente aos 08 meses de duração do programa. Em resumo, o funcionário faz o que quer no financeiro e o diretor parece indiferente em relação as suas atitudes;
     
  • A despesa do setor financeiro da UNEB/Campus XX com as passagens é da ordem do risível e não representa nenhum peso nas atuais dívidas do departamento. Há 04 professores que gastam juntos, em passagens de ida e de volta - (Salvador/Brumado e Brumado/Salvador) - o valor de 720,00 por semana e 2880,00 por mês. Há professores com roteiro - (Vitória da Conquista/ Brumado e Brumado/Vitória da Conquista) que chega a ser hilário apontar os valores, na medida em que se apresentam tão inexpressivos. Porém, nunca falta dinheiro para festas de gastos abusivos em período junino e natalino, além de festas extras que surgem durante o ano.
     
  • Diversas vezes em que foi questionado sobre as passagens pelos professores, o diretor alegou que a UNEB/Campus XX não tinha dinheiro para as compras das passagens e que não era obrigação da universidade dispensá-las aos professores. Discurso esse em disparidade com a determinação do Reitor – que determinou a continuidade da distribuição das passagens aos professores – e do funcionário responsável pelo setor financeiro do departamento, que sempre diz a mesma frase: “o recurso já foi disponibilizado para que a reitoria possa fazer a compra. Tem que aguardar!” Quase um ano de repetição estratégica desse discurso para mascarar a falta de respeito para com os professores. Queremos saber: qual é a verdade desse discurso? Onde foi parar o dinheiro para compra das passagens? Como se explica o fato dos professores ficarem quase 03 meses em greve e chegarem ao departamento e não terem passagens disponíveis?;
     
  • O diretor se mantém indiferente e alheio a esses desmandos do responsável pelo financeiro do departamento, perdendo seu precioso tempo com querelas pessoais em detrimento de fomentar e de alimentar no campus as ações de ensino, de pesquisa e de extensão. O que só legitima nossa constatação: há um conluio entre diretor e o responsável pelo setor financeiro.

 

SOBRE A RESIDÊNCIA DOS PROFESSORES

  • Os professores da Uneb/Campus XX, no mês de novembro de 2014, sem qualquer aviso prévio, foram despejados da antiga residência situada no bairro de Santa Tereza. Os móveis foram levados para um apartamento no Condomínio Parque das Palmeiras (3° andar), por trás de um discurso de que os professores gozariam de um ambiente mais luxuoso e confortável.  Pura falácia! No atual apartamento, os professores não tem nenhuma estrutura, pois faltam os seguintes e indispensáveis itens: tampa para os vasos sanitários, gás de cozinha, lâmpadas para todos os cômodos, cestos de lixo, armários e espelhos para os banheiros. A antiga residência era bem mais barata e atendia a demanda dos professores. Depois de quase 08 meses, por muita insistência, o cacique responsável pelo financeiro do departamento mandou reinstalar os ar condicionados nos quartos do atual apartamento, onde ficam os professores;
     
  • Para nosso espanto, neste mesmo apartamento que possui 03 quartos, o diretor se apoderou de um deles, do qual mantém a chave em seu poder, independente de estar ou não hospedado, obrigando que os professores se amontoem nos 02 quartos restantes. Isso se constitui em arbitrariedade, pois o referido diretor e nem qualquer funcionário pode se apropriar de um bem coletivo concedido pela universidade para fazer uso privado. A mesma atitude foi adotada na antiga residência, onde o diretor mantinha um quarto privado e acolhia hóspedes que não tinham nenhuma relação com a instituição pública. Além disso, os professores precisam pagar uma empregada para limpeza do apartamento, comprar água potável para beber e materiais de limpeza. Enquanto isso, os funcionários não concursados e residentes no campus universitário gozam das suítes disponíveis, do frigobar, do ar condicionado, da televisão, do gás de cozinha, dos banheiros equipados e de uma funcionária dos serviços gerais da UNEB que realiza a limpeza dos seus respectivos quartos. Cabe-nos perguntar: por que esses privilégios podem ser mantidos pela Uneb aos funcionários e não pode ser também destinado aos professores que, junto com os alunos, são as células maiores da universidade?
     
  • Por fim, os professores dos colegiados de Letras e de Direito pedem e suplicam respeito por parte do funcionário do financeiro e do diretor do departamento. Apenas queremos isso: uma gestão respeitosa aos professores.

CONTINUE LENDO

Polícia apreende armas de guerra em chácara em Santo Estevão

  • 05 Nov 2015
  • 18:30h

(Foto: Reprodução)

Policiais civis apreenderam um verdadeiro arsenal de guerra em uma chácara no município de Santo Estêvão (a 157 km de Salvador). A propriedade pertence a Miguel Vicente de Assis Oliveira, 46 anos, o "Topete", que foi preso e é apontado pela polícia como integrante de uma quadrilha especializada em assalto à banco e explosões de caixas eletrônicos no estado. "Ele é perigoso. Já cumpriu pena por tráfico de drogas e sabemos que está fazendo parte da quadrilha. Só não identificamos ainda o seu papel no grupo", afirmou o delegado João Uzzum, coordenador da 1ª Coorpin em Feira de Santana. Na casa foram encontrados quatro fuzis sendo dois AK47, um Fal 7,62 e um calibre 5.56, além de uma submetralhadora 9 mm com silenciador e vasta munição. Todo o material apreendido é de uso exclusivo das Forças Armadas.

 

"Não temos ideia do valor real destes armamentos, mas acredito que custem mais de R$ 300 mil. Este fuzil AK 47 são utilizados por terroristas de todo o mundo, para se ter uma noção da força deste armamento", disse o delegado. Miguel Vicente foi internado no Hospital Geral Clériston Andrade após ser atingido na perna durante troca de tiros com os policiais. Ele negou, em depoimento, ser dono das armas e disse desconhecer como elas foram parar na sua propriedade. O delegado João Uzzum informou que as armas foram utilizadas em várias ações contra instituições financeiras a exemplo das ocorridas nas cidade de Ponto Novo e Cabaceiras do Paraguaçu nos meses de outubro e junho respectivamente. "As armas foram reconhecidas por policiais que participaram do combate com os assaltantes nestas duas ações. A quadrilha que agiu foi a que tem sede na região de Santo Estêvão, inclusive um dos assaltantes morto na ação de Ponto Novo foi enterrado em Santo Estêvão e o Miguel participou do velório e sepultamento dele", frisou o delegado. Após ser liberado do hospital Miguel será encaminhado para o Conjunto penal de Feira de Santana. Oficiais do Exército, mais precisamente do 35º BI, estiveram no Complexo Policial para verificar se alguma arma pertence à instituição.

CONTINUE LENDO

Eduardo Cunha diz que vai preparar sua defesa com tranquilidade

  • 05 Nov 2015
  • 17:36h

(Foto: Reprodução)

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deve ser notificado até o fim do dia de hoje (5) sobre a escolha de Fausto Pinato (PRB-SP) como relator do processo contra ele no Conselho de Ética. O deputado será investigado por receber propina para viabilizar negócios da Petrobras e de manter contas secretas na Suíça, negadas por ele em depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras.Cunha só precisará apresentar defesa a partir da apresentação do relatório preliminar, que indicará ou não a continuidade da representação. Segundo o presidente do colegiado, José Carlos Araújo (PSD-BA), isso ocorrerá no próximo dia 24, caso Pinato não resolva antecipar suas conclusões. O peemedebista terá dez dias para tentar convencer os parlamentares de que é inocente.

"No momento correto, depois que estiver efetivamente no prazo de defesa, meus advogados irão contestar todos os pontos. Já nomeei advogado para o Conselho de Ética e vai ser tratado com toda a calma e tranquilidade”, afirmou. Antes do anúncio do relator, Cunha disse que é “indiferente” ao nome e negou notícias divulgadas hoje de que comentou com colegas como sustentaria sua defesa diante do colegiado. “É igual ao parecer do impeachment da semana passada, que ninguém viu até hoje. É a mesma situação. Não tenho o que comentar porque não existe. Cadê o parecer que não apareceu até hoje? Eduardo Cunha comparou com reportagens veiculadas há uma semana, as quais confirmavam que dois pareceres – um contrário e um favorável - sobre o pedido de impeachment contra a presidenta Dilma Rousseff estavam prontos.

Paulinho da Força
Perguntado sobre notícias de que o deputado Paulo Pereira da Silva (SD-SP) passará a integrar o Conselho de Ética a partir da próxima semana, para substituir o deputado Wladimir Costa (SD-PA), o presidente da Câmara tentou afastar especulações de que isso o beneficiaria no processo. “Tem muitos aliados meus que estão e muitos adversários que estão também. Essa coisa não pode ser tratada dessa maneira. Ninguém pode ser estigmatizado por ser meu aliado e nem condenado por ser meu adversário”, acrescentou.

CONTINUE LENDO