Brumado Urgente

Brumado Urgente


Governo Temer tem aprovação de 7% e reprovação de 69%

Sábado | 24.06.2017 | 18h09


Foto: Reprodução

Uma pesquisa do instituto Datafolha divulgada neste sábado (24) pelo jornal "Folha de S.Paulo" mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo do presidente da República, Michel Temer (PMDB): Ruim/péssimo: 69%, Regular: 23%, Ótimo/bom: 7%, Não sabe: 2%. O Datafolha ouviu 2.771 pessoas nos dias 21 e 23 de junho de 2017. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Em abril, a pesquisa anterior do Datafolha sobre a aprovação do governo Temer apontou que 9% o consideravam bom ou ótimo; 61% o consideravam ruim ou péssimo; e 28% avaliavam o governo como regular.

Amamentação reduz risco de doenças cardíacas em até 18%

Sábado | 24.06.2017 | 16h09


Foto: Ilustração

Alguns estudo já mostraram que a amamentação não só promove inúmeros benefícios para o bebê como também ajuda na perda de peso no pós-parto, reduz níveis de colesterol, glicose, pressão alta, riscos de câncer de mama e do ovário nas mães. Agora, a ciência comprova mais uma vantagem da prática para as mães: segundo estudo publicado recentemente no periódico científico Journal of the American Heart Association, amamentar pode prevenir derrames e o desenvolvimento de doenças cardíacas, mesmo uma década após o parto. Além disso, os benefícios aumentaram de acordo com a duração da amamentação. Ou seja, as mães que amamentaram seus filhos por até dois anos ou mais diminuíram sua probabilidade de doenças cardíacas em até 18% e de derrames em 17%. Segundo o estudo, a cada seis meses adicionais de aleitamento, o risco de desenvolver os problemas diminuía em 4% e 3%, respectivamente. O leite materno pode ajudar a proteger recém-nascidos de doenças e infecções, e é recomendado para, pelo menos, os primeiros seis meses de vida da criança, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). “As descobertas devem encorajar as mães a amamentarem por mais tempo, visto que promove benefícios que dependem disso”, disse Zhengming Chen, principal autor da pesquisa.

Como a proposta de reter o FGTS pode afetar seu bolso

Sábado | 24.06.2017 | 14h01
Autor: Veja


Foto: Ilustração

O estudo do governo de reter o pagamento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para bancar o seguro-desemprego foi duramente criticado por representantes de trabalhadores. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, admitiu que existem estudos dentro do governo que preveem o uso do FGTS para economizar com o pagamento do seguro-desemprego. Para a Força Sindical, essa medida representa um confisco. “Não podemos permitir que o trabalhador tenha seu dinheiro retido justamente quando mais precisa, ou seja, quando desempregado. Para o presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil (CBIC ), José Carlos Martins, essa proposta não faz o menor sentido. “Não dá para acreditar que se trabalhe com essa possibilidade dentro do governo.” Hoje, os trabalhadores demitidos sem justa causa podem sacar 100% dos recursos depositados no FGTS assim que dão baixa na carteira. Em seguida, podem entrar com pedido para receber o seguro-desemprego. O valor do seguro-desemprego e a quantidade de parcelas a serem depositadas varia de acordo com o último salário e tempo trabalhado. São pagas até cinco parcelas de até 1.643,72 reais. O estudo do governo prevê parcelar o pagamento do FGTS em até três vezes. Os valores mensais seriam equivalentes ao último salário, segundo reportagem do jornal O Globo. Passado esse período, se o trabalhador não conseguir arrumar outro emprego, ele poderia sacar todo o dinheiro do FGTS. Dessa forma, o governo economizaria com o pagamento das três primeiras parcelas do seguro-desemprego, já que neste período o demitido receberia o FGTS parcelado.

Mais um acidente envolvendo ônibus da Águia Branca provoca morte na BR-101

Sábado | 24.06.2017 | 12h00
Autor: Vitória da Conquista Notícias


Foto: Reprodução

Um pessoa morreu e outra ficou gravemente ferida em mais uma colisão envolvendo um ônibus da Viação Águia Branca e um veículo modelo Uno, desta vez no km 135 da BR-101, em Linhares, Norte do estado, no início da noite desta sexta-feira (23). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu por volta das 17h30, próximo à balança de fiscalização do município. Um dos ocupantes do Uno morreu no momento da colisão. O outro foi encaminhado ao Hospital Rio Doce em estado grave. O Uno, com placas de Rondônia, ficou completamente destruído. O veículo ficou partido e pedaços da lataria ficaram espalhados pela rodovia. Segundo a PRF e os Bombeiros, cerca de 40 pessoas estavam no ônibus, contando com o cobrador e o motorista. Ninguém se feriu.

Azeite ajuda a combater Alzheimer

Sábado | 24.06.2017 | 11h07
Autor: Tribuna da Bahia


Foto: Ilustração

O consumo rotineiro de azeite de oliva extravirgem protege da demência e do Alzheimer: esta é a principal conclusão de um estudo realizado por italianos recém publicado na revista científica "Annals of Clinical and Translational Neurology". Conduzida pelo professor Domenico Praticò, da Lewis School of Medicine da Universidade de Temple, nos Estados Unidos, a pesquisa também teve a colaboração de Luigi Iuliano, da Universidade Sapienza de Roma. Os estudiosos chegaram à conclusão que o azeite de oliva extravirgem ativa os processos de proteção do interior do cérebro e assim consegue combater doenças degenerativas além de ajudar na preservação da memória. Para isso, os pesquisadores usaram como cobaias ratos que iriam desenvolver Alzheimer. Os animais foram divididos em dois grupos e em um deles foi adicionado o azeite na dieta. Tempos depois, os ratos que tinham consumido o produto, de origem italiana, cotidianamente estavam com um cérebro mais saudável e lúcido do que os mamíferos que não tiveram o azeite na sua alimentação. Em particular, no cérebro dos primeiros, as sinapses (pontos de comunicação entre os neurônios) ainda estavam íntegras e o mecanismo de proteção chamado "autofagia", no qual as células "limpam" o cérebro de detritos tóxicos, estava mais ativo. Assim, no primeiro grupo estavam presentes no cérebro um número menor de peptídeos beta amiloide e de proteínas tau que, em grande quantidade, indicam demência. 

Perícia da PF conclui que aúdio da conversa entre Temer e Joesley não sofreu edição

Sábado | 24.06.2017 | 09h30


Foto: Reprodução

laudo da perícia da Polícia Federal que analisou as gravações da conversa entre o empresário Joesley Batista, dono da empresa JBS, e o presidente Michel Temer e os gravadores usados pelo empresário aponta que não houve edição de conteúdo, ou seja, não houve manipulação nos diálogos. A informação foi confirmada por duas fontes envolvidas na investigação. A perícia oficial contesta a perícia contratada pela defesa de Michel Temer, do perito Ricardo Molina, que apontou entre 50 e 60 "pontos de obscuridade" e "mascaramentos" na gravação (leia mais informações sobre a perícia de Molina ao final desta reportagem). Investigadores afirmam que os peritos da Polícia Federal encontraram pontos de descontinuidades técnicas, ou seja, variações no sinal de áudio, provocadas por questões técnicas, sem sinais de fraude ou edição. O laudo acrescenta que as conversas de Joesley com o presidente têm lógica e coerência. De acordo com o laudo da PF um dos dois gravadores que o empresário apresentou à PF foi, de fato, utilizado para registrar a conversa. O laudo da PF foi entregue em mãos ao delegado do caso, que foi ao Instituto Nacional de Criminalística para recebê-lo. O parecer será enviado na segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal e anexado ao inquérito, cujo relatório parcial foi entregue pela Polícia Federal ao STF na última segunda-feira. O relatório afirma que evidências indicam "com vigor" que Temer e o ex-assessor e ex-deputado Rodrigo Rocha Loures cometeram crime de corrupção passiva. A PF aguardava a perícia da gravação para concluir as investigações sobre a suspeita de que Temer e Loures cometeram outros dois crimes: obstrução de justiça e formação de organização criminosa.

Uneb: Técnicos administrativos paralisam atividades entre os dias 26 e 30 de junho

Sábado | 24.06.2017 | 08h37
Autor: Brumado Urgente


Foto: Reprodução

Os Servidores Técnicos da Uneb aprovaram em assembleia no último dia 6, uma paralisação que ocorrerá entre os dias 26 e 30 de junho, com fechamento dos portões em Brumado. A paralisação da categoria é uma reivindicação pela implementação das progressões em folha de pagamento, a publicação da Instrução Normativa para abertura do processo de progressão e promoção funcional de 2017, além da extensão da carga horária de 30h para 40h e direito do servidor técnico ao incentivo à produção científica. Apoiados pelo Sindicato SINTEST, a paralisação acontecerá nas unidades da Uneb durante a semana e em Brumado, haverá então o fechamento dos portões no período de 26 a 30 de junho de 2017.

Novo tipo de tatuagem muda de cor para controlar a diabetes

Sábado | 24.06.2017 | 07h20
Autor: G1


Foto: Ilustração

Em um futuro não muito distante, pode ser que símbolos, desenhos, palavras e frases não sejam mais tatuados no corpo apenas por vaidade estética. Pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e de Harvard desenvolveram uma tatuagem biossensorial. Feito com uma tinta especial, o desenho permanente promete atuar como uma espécie de aparelho portátil para portadores de diabetes, mudando de cor em tempo real para alertar sobre o nível de glicose no sangue. A tinta hi-tech, batizada pelos cientistas de Dermal Abyss, contém componentes químicos que avisam que algo está fora de equilíbrio toda vez que a tatuagem mudar de cor – não apenas o nível de glicose, mas também de sódio e pH. Em nota, o MIT explica que as "tatuagens inteligentes" são úteis para detectar diabetes, desidratação ou aumento do nível de pH no sangue. É verdade que a nova tecnologia ainda é invasiva, mas, uma vez tatuada, a pessoa não vai ter mais de passar pelo processo diário de picar a ponta dos dedos ou usar um equipamento para monitorar a glicose. E isso para o resto da vida. Quando o nível de glicose no sangue aumenta, a tinta muda de azul para marrom, indicando a necessidade de insulina. Um efeito similar acontece com o sensor do pH. Ao medir a alcalinidade do fluido intersticial, solução presente entre as células do corpo, a tinta muda de roxo para rosa. Já o sensor de sódio, iluminado por luz negra, mostra o verde mais vibrante de acordo com a concentração do sal. Até agora, a tinta só foi testada na pele de porcos, a qual é muito similar à do corpo humano. Os pesquisadores afirmam que o procedimento funciona, mas salientam que ainda há muitas incógnitas para realizar o teste em animais vivos, como alergia, precisão e durabilidade.

Maia sanciona lei que libera venda de remédios para emagrecer

Sexta | 23.06.2017 | 18h09
Autor: G1


Foto: Ilustração

O presidente da República em exercício, Rodrigo Maia (DEM-RJ), sancionou nesta sexta-feira (23) a lei que libera a prescrição, manipulação e venda de anfepramona, femproporex e mazindol, substâncias usadas para inibir o apetite. A informação é da Casa Civil. Na última terça (20), a Câmara dos Deputados aprovou o projeto que libera a venda, sob prescrição médica, dessas substâncias. Nesta sexta, o Conselho Federal de Medicina (CFM) enviou um ofício a Rodrigo Maia no qual manifestou apoio à sanção da lei. O documento é assinado pelo presidente da entidade, Carlos Vital Tavares Corrêa Lima. Para o CFM, a lei sancionada respeita a autonomia dos médicos e dos pacientes na escolha dos procedimentos terapêuticos "reconhecidos e válidos". A entidade afirma, também, que a interdição das três substâncias representaria uma "interferência direta" no processo de escolha, com "graves consequências" para a saúde de milhares de pessoas. Após a Casa Civil informar a sanção da lei, o próprio presidente em exercício publicou uma mensagem no Facebook para comunicar a decisão. "Tomei a decisão após ouvir diversas entidades médicas e receber um parecer favorável do próprio Conselho Federal de Medicina. Entendo o drama de milhares de brasileiros que têm níveis perigosos de obesidade e precisam ser levados a sério, e com responsabilidade, tendo acesso a um tratamento médico controlado", publicou Rodrigo Maia na rede social.

Novidade do Snapchat levanta preocupações sobre segurança

Sexta | 23.06.2017 | 17h02


Foto: Ilustração

Uma atualização do Snapchat, que traz um mapa com a localização dos contatos que o usuário segue, aumentou as preocupações sobre segurança entre os pais de crianças que utilizam com frequência o popular aplicativo. A ferramenta, chamada Snap Map, foi lançada na quarta-feira (21) e foi promovida como uma nova maneira de explorar o mundo. A Academia St. Peter, na cidade de Staffordshire, na Inglaterra, emitiu um comunicado para os pais, alertando que o recurso de compartilhamento de localização permite que pessoas estranhas localizem seus filhos. Em entrevista à BBC, um dos responsáveis descreveu a atualização como perigosa. Os clipes de vídeo e fotos que os usuários postam publicamente podem ser descobertos no mapa, enquanto os membros que optaram por compartilhar sua localização também podem ser vistos. Em resposta à polêmica, a Snap informou que o recurso pode ser desativado a qualquer momento, e que seu intuito é facilitar a busca por restaurantes e pontos de interesse.

Governo estuda usar FGTS no lugar do seguro-desemprego

Sexta | 23.06.2017 | 16h06


Foto: Ilustração

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, confirmou hoje (23) que o governo estuda utilizar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para substituir o pagamento do seguro-desemprego. A medida foi divulgada pelo jornal O Globo e, segundo Meirelles, está em “fase embrionária”. Segundo a reportagem, o governo pretende usar o saldo do FGTS e a multa de 40%, paga nos casos de demissão sem justa causa, para repassar três parcelas ao trabalhador, substituindo o seguro-desemprego. O valor mensal seria equivalente ao último salário recebido pelo empregado. Após esse período, se permanecer sem colocação, o trabalhador poderia dar entrada no seguro-desemprego e receber o restante do saldo do FGTS. “Existem discussões na área econômica do governo, seja no Ministério da Fazenda, seja no Ministério do Planejamento, seja em outras áreas em diversos níveis, sobre diversas coisas que possam induzir o país a voltar a crescer” disse Meirelles ao ser perguntado sobre o assunto após participar de um evento promovido pela Câmara Americana de Comércio (Amcham) em São Paulo. O ministro também comentou a suspensão das importações de carne bovina fresca brasileira pelos Estados Unidos, anunciada ontem (22), e disse que o Brasil prestará os esclarecimentos necessários para reverter a decisão norte-americana. “Compete à Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos [Apex] fazer o trabalho no sentido de assegurar que as dúvidas e preocupações dos outros países sejam resolvidas, e o país volte a exportar normalmente”, declarou.

Peritos finalizam perícia da conversa entre Joesley Batista e Michel Temer

Sexta | 23.06.2017 | 14h00
Autor: Tribuna da Bahia


Foto: Reprodução

A Polícia Federal vai encaminhar nesta sexta-feira ao ministro Edson Fachin, do STF, a conclusão do inquérito que investiga o presidente Michel Temer. Conforme antecipou a Coluna ontem, os peritos finalizaram hoje o laudo da análise das gravações feitas pelo empresário Joesley Batista de conversa com o presidente Michel Temer no Palácio do Jaburu. O diálogo foi entregue por Joesley como prova do que disse em delação premiada. Ele acusou o presidente de receber propina da JBS, da qual é sócio. Na semana passada, os delegados apontaram indícios de corrupção envolvendo o presidente. No inquérito de hoje, vão dizer se há ou não indício de crime de obstrução de Justiça. Essa parte depende da perícia porque na conversa o empresário Joesley Batista disse ao presidente que estava cuidando do ex-deputado Eduardo Cunha e do operador Lucio Bolonha Funaro quando Temer responde: “Tem que manter isso”. Segundo a PGR, Joesley se referia a pagamentos feitos aos familiares dos dois presos em troca de não fazerem delação premiada. A partir da conclusão do inquérito pela PF, a PGR tem prazo de cinco dias para apresentar denúncia contra o presidente Michel Temer ou pedir o arquivamento. Se a denúncia for apresentada, o que é mais provável, 2/3 dos deputados têm que autorizar a abertura de processo pelo STF contra o presidente da República. Antes de seguir para o plenário, o caso é analisar pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara. O relatório nessa etapa precisa ser aprovado por maioria simples, mas mesmo que a abertura de processo for rejeitada ele segue para o plenário.

Jequié: Idosa é assassinada a facadas e acusada de ser mandante foi presa

Sexta | 23.06.2017 | 12h00
Autor: Blog do Junior Mascote


Foto: Reprodução

Já está presa a acusada de ter sido mandante do crime que tirou a vida de dona Ivonice Marques Maia, de 71 anos de idade, levada para uma emboscada no Alto da Colina, em Jequié, e morta a facadas por bandidos. A acusada de ter sido a mandante é Cristiane Motta Alves. Segundo informações policiais, Cristiane teria tomado dinheiro emprestado com dona Ivonice, como não conseguiu quitar a dívida ela teria arquitetado matar a vítima, na tarde de quarta-feira (21) câmeras de segurança flagram o Celta prata dirigido por Cristiane levando dona Ivonice para o Loteamento Alto da Colina, no bairro Jequiezinho, no local bandidos já esperavam para forjar um assalto e depois dar cabo na anciã. As facadas não foram suficientes para matar dona Ivonice, ela foi socorrida para o hospital e contou que estava em companhia de Cristiane, mas na madrugada desta quinta-feira (22) ela não resistiu aos ferimentos e morreu. A partir daí a Polícia Civil não teve muito trabalho para desvendar o crime, conduziu Cristiane para a Delegacia de Furtos e Roubos e ela acabou confessando o crime. Uma adolescente de 16 anos de idade, que participou da trama, confirmou a versão dada por Cristiane e depois foi liberada com a presença dos pais. Segundo o delegado que investiga o caso, Dr Almir, ainda falta prender os executores do crime.

PIS/Pasep está disponível para saque até a próxima semana

Sexta | 23.06.2017 | 11h28


Foto: Ilustração

Quem trabalhou com a carteira assinada em 2015 pode ter direito a receber um dinheiro extra este ano: termina na sexta-feira (30) da semana que vem o prazo para saque do abono salarial dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), relativo ao ano-base 2015. O valor pode chegar a R$ 937, patamar atual do salário-mínimo. Têm direito ao abono os trabalhadores inscritos nos programas há pelo menos cinco anos e que tenham trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2015, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. É necessário ainda que os trabalhadores tenham tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). Passado o prazo para o saque, os valores não requeridos são destinados ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). O valor a que o trabalhador tem direito pode variar de R$ 78 a R$ 937, dependendo de quanto tempo ele trabalhou formalmente em 2015. O abono PIS é pago pela Caixa Econômica Federal e o Pasep pelo Banco do Brasil. O primeiro destina-se a trabalhadores do setor privado e o segundo a servidores públicos. Para sacar o PIS, o trabalhador que tiver Cartão Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir aos terminais de autoatendimento da Caixa ou a uma casa lotérica. Caso não tenha o cartão, pode receber o valor em uma agência da Caixa apresentando documento de identificação. Os servidores públicos com direito ao Pasep devem verificar se houve depósito em conta. Caso isso não ocorra, devem procurar uma agência do Banco do Brasil e apresentar um documento de identificação. 

Justiça veta 'guerra de espadas' e suspende lei que torna prática patrimônio cultural

Sexta | 23.06.2017 | 10h32
Autor: G1 Bahia


Foto: Reprodução

Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) vetou a realização da tradicional "guerra de espadas" que ocorre durante o período junino na cidade de Senhor do Bonfim, no Recôncavo da Bahia, e ainda suspendeu a lei municipal que tornava a prática um patrimônio cultural e imaterial da cidade. A decisão, que considerou um pedido feito pelo Ministério Público do estado (MP-BA) foi publicada na edição desta quinta-feira (22) do Diário Oficial da Justiça. Quem descumprir a medida pode ser preso e pagar multa de até R$ 10 mil. A associação dos espadeiros do município informou que vai recorrer da decisão. A guerra de espadas havia sido declarada como patrimônio cultural e imaterial da cidade no início de junho, quando a prefeitura sancionou o projeto de lei sobre a prática. A proposta já havia sido aprovada por unanimidade, no final de maio, pela Câmara de Vereadores da cidade. A medida, no entanto, dividiu opiniões na cidade, porque alguns moradores defendem o fim da prática por conta dos perigos de queimaduras nos participantes. No São João de 2016, ao menos 19 pessoas tiveram ferimentos no município. Na quarta-feira (21), um homem foi preso em flagrante e 105 espadas foram apreendidas em Senhor do Bonfim. De acordo com a Polícia Civil, a prisão e apreensão ocorreram durante operação conjunta com o Ministério Público da Bahia (MP-BA), que já havia recomendado à prefeitura do município que não promova, prepare, apoie ou coopere com a execução da guerra de espadas na cidade.

Polícia Civil de Brumado prende homem com dinheiro falso

Sexta | 23.06.2017 | 09h22
Autor: Brumado Urgente


Foto: Polícia Civil

Gianine Elideangelis Moura de Souza, de 27 anos, foi preso em flagrante delito, no interior de sua residência, no centro de Brumado por Investigadores da Polícia Civil de Brumado. A prisão de Gianine se deu porque com ele foram encontrados vários "pinos" de cocaína e várias cédulas falsas de dinheiro, além de um Notebook, impressora e outros artefatos utilizados na falsificação, que era de alta qualidade, criando até marca d’água nas cédulas. De acordo com suspeitas da Polícia Civil, Gianine comercializava as cédulas em um perfil "fake" nas redes sociais. Gianine foi autuado em flagrante pela prática dos crimes de tráfico de drogas e moeda falsa, sendo que o inquérito policial deve ser concluído e encaminhado à Justiça no prazo de dez dias.

Ministro abre nova investigação sobre Aécio para investigar lavagem de dinheiro

Sexta | 23.06.2017 | 08h15


Foto: Reprodução

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, autorizou nesta quinta-feira (22) a abertura de uma nova investigação sobre o senador Aécio Neves afastado (PSDB-MG) por suposta prática de lavagem de dinheiro. O novo inquérito foi pedido pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, com base na delação da JBS. A nova investigação vai apurar se Aécio tentou ocultar a origem de R$ 2 milhões que teria recebido do empresário Joesley Batista. Segundo a PGR, a quantia era propina para que o senador atuasse em favor da JBS. Após a abertura do novo inquérito, o advogado de Aécio, Alberto Toron, divulgou a seguinte nota: "A defesa do Senador Aécio Neves recebe a informação com naturalidade por se tratar de desdobramento da denúncia inicial. A investigação demonstrará que não se pode falar em lavagem ou propina, pois trata-se de dinheiro de origem lícita numa operação entre privados, portanto sem envolver recurso público ou qualquer contrapartida. Assim, não houve crime." Com o novo inquérito, Aécio passa a ser alvo de nove investigações no STF: cinco abertas a partir das delações da Odebrecht; duas abertas a partir das delações do senador cassado Delcídio do Amaral e duas abertas a partir das delações da JBS. Aécio já foi denunciado por Janot com base nas delações da JBS por corrupção passiva e obstrução da Justiça.

SMTT determina recolhimento de animais soltos nas vias da sede do município

Sexta | 23.06.2017 | 07h18
Autor: PMB


Foto: Reprodução/PMB

A Superintendência Municipal de Trânsito e Transportes - SMTT determinou, por meio da Coordenação de Controle Viário, o recolhimento imediato de todos os animais soltos nas vias públicas do município de Brumado a fim de evitar o iminente risco de acidentes, o impacto no trânsito e a sujeira nas ruas. Uma empresa foi contratada para realizar o recolhimento dos animais com o apoio de um caminhão boiadeiro. No início da manhã de terça-feira (20), o Coordenador de Controle Viário esteve fiscalizando as vias do sistema viário e registrou o recolhimento dos animais soltos. Os proprietários podem fazer o resgate dos animais recolhidos assinando um TAC - Termo de Ajustamento de Conduta e pagando uma taxa junto à Prefeitura. Em caso de não comparecimento dos proprietários, os animais serão exportados para confinamento em Vitória da Conquista. O Superintendente Interino de Trânsito e Transportes, Engenheiro André Cardoso, tem acompanhado de perto as ações em prol da segurança viária e priorizado novas ações que possibilitem fluidez e segurança nas vias do município.

Empresário guanambiense é acusado de ser o autor de mudança em curso de rio e de aterrar umbuzeiro

Quinta | 22.06.2017 | 21h11


Foto: Leitor Brumado Urgente via Whatsapp

Segundo denúncia encaminhada à redação do Brumado Urgente, algo inusitado vem acontecendo no Município de Guanambi, Cidade esta que passou a ser conhecida internacionalmente por ter suas “chaves” entregue para Deus, como primeiro ato do atual prefeito. Segundo a denúncia o empresário Edvaldo Lopes Carneiro, conhecido por “Didi da Nova Era”, por sua conta e contando com a ajuda da Prefeitura local, por conta da flagrante omissão da Administração Pública, bem como dos órgãos responsáveis pelo meio ambiente, incluindo ai INEMA e o próprio IBAMA, e até mesmo do DNIT, haja vista que o curso normal do rio passa pela Rodovia Federal BR 122 – ligação Estado da Bahia a Minas Gerais - onde o DNIT construiu pontes e bueiros de drenagem de águas, vêm promovendo diversas intervenções em área de proteção ambiental, tendo aterrado o curso normal de um rio, e desviando o mesmo para os limites de uma propriedade vizinha, continuando com aterro de área ambiental, prejudicando a coletividade, além daquele ecossistema. Nem mesmo a árvore símbolo do sertão, o umbuzeiro (spondias tuberosa), símbolo de resistência da Caatinga, tem suportado as investidas do “Sr. Didí”, e está sendo literalmente aterrado, tudo aos olhos das autoridades públicas municipais, estaduais e federais que têm o dever de fiscalizar, especialmente da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, que “faz de conta em agir e reprimir”. Espera-se que grave crime ambiental seja devidamente apurado e que o suposto autor dos ilícitos ambientais possa ser responsabilizado tanto penalmente quanto ao dever de reparar o dano em área de preservação permanente.

 

Foto: Leitor Brumado Urgente via Whatsapp