BUSCA PELA CATEGORIA "Política"

Brumado: Pré-candidato Márcio Moreira recebe apoio de liderança brumadense

  • Brumado Urgente
  • 15 Jun 2018
  • 11:00h

Foto: Divulgação

O pré-candidato a deputado estadual, Márcio Moreira está com agenda cheia em busca de apoio para o seu pleito nas eleições de 2018. Para isso, na manhã desta quinta-feira (14), esteve reunido com o ex-candidato a vereador pelo PSB em Brumado, Avenildo Araújo, que além da movimentação dentro da politica em Brumado, também é representante comercial. Durante a reunião laços foram estreitados para apoiar essa jornada, com uma recepção positiva a pré-candidatura de Márcio Moreira. Para Avenildo, essa é uma grande oportunidade da população brumadense eleger alguém que seja competente e filho da terra “Nós brumadenses já perdemos muito por não ter um representante daqui, que de fato olhe para os problemas da nossa gente. Essa é uma oportunidade única e, em minha opinião, deveria ter apoio de toda a sociedade. Só assim poderemos ter prosperidade em nosso município”, comentou.

Tiririca quebra protocolo e ousa com vestimenta na Câmara. Confira

  • 13 Jun 2018
  • 15:00h

O deputado federal Tiririca (PR-SP) quebrou o protocolo na Câmara dos Deputados e acabou virando noticia pelo modo curioso com se vestiu para a sessão parlamentar. De acordo com informações da publicação da coluna Radar, da revista Veja, nesta terça-feira (12),  o parlamentar ousou na vestimenta em 'homenagem' ao início da copa do mundo da Rússia. O parlamentar teria tentando se justificar: “Já estou no clima da Copa”.

Supremo suspende voto impresso nas eleições de outubro

  • 07 Jun 2018
  • 18:00h

Por 8 votos a 2, o Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu o uso do voto impresso nas urnas eletrônicas nas eleições de outubro deste ano. A decisão foi tomada nesta quarta-feira (6) a partir de uma ação da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra a impressão, sob a alegação de violação do sigilo do voto. A impressão do voto foi criada em 2015, pela minirreforma eleitoral, com objetivo de garantir meios para embasar auditorias nas urnas eletrônicas. Mesmo com a garantia da Justiça Eleitoral de que o sistema de votação é seguro, questionamentos de alguns eleitores levaram o Congresso Nacional a criar o voto impresso. Apesar de ser chamado de voto impresso, o mecanismo serve somente para auditoria das urnas eletrônicas, e o eleitor não fica com o comprovante da votação. Ao entrar na cabine, o eleitor digitaria o número de seu candidato na urna eletrônica.  Em seguida, um comprovante para conferência apareceria no visor da urna. Se a opção estivesse correta, o eleitor confirmaria o voto, e a impressão seria direcionada para uma caixa lacrada, a ser analisada posteriormente pela Justiça Eleitoral. A fiscalização confirmaria, então, se os votos computados batem com os impressos. No início do ano, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) chegou a fazer uma licitação para instalar impressoras em 30 mil urnas eletrônicas, o que representaria 5% do total, mas a compra foi suspensa. O contrato seria de aproximadamente R$ 60 milhões.  Com a decisão, o presidente do TSE e ministro do STF, Luiz Fux, informou que a licitação será revogada. Fux estava impedido de participar do julgamento.

Pesquisa aponta segundo turno entre Bolsonaro e Ciro Gomes

  • 05 Jun 2018
  • 16:00h

Uma pesquisa realizada pelo DataPoder360, divulgada na manhã desta terça-feira (5), aponta que os pré-candidatos a presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) e Ciro Gomes (PDT) disputariam o segundo turno se a eleição fosse hoje. No primeiro cenário, o deputado federal aparece com 25% das intenções de votos, enquanto o ex-ministro fica com 12%. Em terceiro lugar, ficaria o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), com 8%. No segundo cenário, com a inclusão do ex-prefeito de São Paulo João Doria, como candidato do PSDB, Bolsonaro cai e Ciro Gomes mantém a mesma pontuação. No terceiro cenário, mais candidatos entram na disputa, e Bolsonaro e Ciro Gomes caem.

Lula lidera intenções de voto na Bahia; Marina fica em primeiro com petista fora da disputa

  • 28 Mai 2018
  • 16:00h

Foto: Ricardo Stuckert/ EBC

Mesmo preso desde o último dia 7 de abril, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é o candidato com maior percentual de intenções de voto na Bahia, de acordo com o levantamento P&A/ Bahia Notícias. O petista aparece à frente dos adversários tanto no cenário espontâneo, quando não são apresentados os nomes dos postulantes, quanto no questionário estimulado. Na ausência dele na disputa, a ex-ministra Marina Silva (Rede) é a maior beneficiária, chegando a registrar o dobro do percentual de intenção de votos do segundo colocado, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL). Na pesquisa espontânea, Lula é citado por 31,8% dos baianos, quase oito vezes mais do que o segundo colocado nesse cenário, Jair Bolsonaro, com 4,6% das intenções de voto. A Bahia é considerado um território favorável ao petista conforme os históricos das últimas eleições, o que explica o percentual amplo com relação aos adversários em todos os levantamentos. Quando não são citados os nomes dos postulantes, também aparecem como opção para os baianos Marina Silva, para 1,2%, o ex-ministro Joaquim Barbosa (PSB), que desistiu do pleito e aparece com 0,9%, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com o mesmo percentual (0,8%), Álvaro Dias (Pode), para 0,4%, e Geraldo Alcmin (PSDB), para 0,3%. Não souberam 43,8% dos entrevistados e 14,5% não votariam em ninguém.

Eleições 2018: Vereadora Lia Teixeira PDT e seu pai Didiu de Cristalândia declaram apoio ao pré-candidato Márcio Moreira

  • 30 Abr 2018
  • 09:19h

Dando continuidade ao fortalecimento da sua pré-candidatura, buscando o apoio de importantes lideranças política de Brumado, o pré-candidato a deputado estadual Márcio Moreira obteve mais dois importantes apoios. Dessa vez em dose dupla, que são da atual vereadora Lia Teixeira e o seu pai Didiu de Cristalândia, o qual tem um histórico muito representativo na política da capital do minério. Após uma reunião, ambos declaram o apoio a Márcio Moreira. A vereadora Lia Teixeira que compõe a base de situação que é liderada pelo prefeito Eduardo Vasconcelos afirmou que “é um momento de analisarmos o que é melhor para a nossa terra, então, em nossa opinião não existe um projeto melhor que o de Márcio Moreira, por isso não poderíamos ficar fora dessa luta e dar a nossa contribuição para esse passo importante que o município de Brumado está dando, já que é uma pré-candidatura que, caso se consolide, irá dar a Brumado a representatividade que todos nós esperamos” e continuou argumentando que “temos a firme confiança na força que Márcio Moreira terá como deputado estadual, o que promoverá novos horizontes para Brumado, fazendo com que os grandes anseios de nossa população de Brumado e, principalmente na região de Cristalândia  e Umburanas, venham a se realizar”. E finalizou destacando que “inclusive em seu mandato quando foi vereador, ele foi responsável pela emenda da construção da atual praça de Cristalândia. Brumado precisa de um filho da terra e tenho a certeza de que o nome certo é o de Márcio Moreira”.

Brumado: Vereador Lek declara apoio às pré-candidaturas de Márcio Moreira e Manelão

  • Brumado Urgente
  • 25 Abr 2018
  • 21:51h

Foto: Brumado Urgente

As pré-candidaturas do ex-vereador Márcio Moreira e do empresário Manelão a cada dia vem ganhando mais musculatura, o que em termos políticos, poderá representar uma expressiva votação em favor da dupla nas próximas eleições. Através de contato telefônico, o vereador Lek ratificou a redação do Brumado Urgente que reitera apoio as pré-candidaturas de Márcio e Manelão, pois, entende que ambos conhecem de perto as demandas do município e que eles reúnem melhores condições de atender os anseios da população que espera por representantes na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal de políticos genuinamente Brumadenses. Lek ainda fez questão de salientar que tudo que for bom para Brumado terá o seu apoio incondicional, frisou o parlamentar municipal.

Presidente da UPB e prefeito de Bom Jesus da Lapa se torna réu em ação movida pelo MPF

  • 25 Abr 2018
  • 09:00h

Após ação ajuizada pelo Ministério Público Federal (MPF) em Bom Jesus da Lapa, a Justiça Federal tornou réu, em 12 de abril, o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB) e atual prefeito do município por ignorar pedidos de informação feitos pelo órgão. Eures Ribeiro Pereira se recusou a prestar informações referentes à gestão municipal de lixo e resíduos sólidos. Os esclarecimentos seriam utilizados pelo MPF para apurar as condições da cidade após representação feita pela ONG Lapa Limpa, que alegava diversas irregularidades ambientais cometidas pela Ecolurb durante o descarte do lixo. De acordo com a ação, o MPF solicitou ao prefeito informações sobre a gestão dos resíduos sólidos em Bom Jesus da Lapa, indicando as empresas responsáveis pela coleta e pela destinação dos resíduos, em especial dos sólidos hospitalares. Requereu, ainda: o encaminhamento de cópia do plano municipal de gestão integrada de resíduos sólidos, ou a apresentação de justificativa para sua elaboração; e esclarecimentos sobre a titularidade dos imóveis onde se localizavam os “lixões” da cidade. Segundo o MPF, foram enviados três ofícios ao gestor requisitando as informações: o primeiro em agosto de 2014, depois em fevereiro de 2015 e por fim, em maio do mesmo ano. No entanto, de acordo com o órgão, “em que pese o recebimento pelo próprio prefeito, e mesmo diante da exposição das consequências advindas da adoção da postura ilegal, este optou por não responder ao ofício encaminhado, o que sinaliza não uma simples falha administrativa, mas a existência do firme propósito de não atender requisição do Ministério Público”. Na ação, o MPF requereu a condenação do réu nas sanções previstas nos artigos 12, inciso III, da Lei nº 8.429/92, que estabelece, por exemplo, ressarcimento integral do dano, se houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais pelo prazo de três anos.

Aécio Neves vira réu no STF por corrupção e obstrução de Justiça

  • 18 Abr 2018
  • 09:00h

Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (17) receber a denúncia contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por suposta prática de corrupção passiva e obstrução de Justiça. Com isso, o senador será transformado em réu pela primeira vez. Por unanimidade, os cinco ministros da turma (Marco Aurélio Mello, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux, Rosa Weber e Alexandre de Moraes) admitiram a abertura de processo por corrupção e, por 4 votos a 1, por obstrução de Justiça – neste caso, o único voto contrário foi o de Alexandre de Moraes. Com a aceitação da denúncia, Aécio passa a responder ao processo penal na condição de réu e poderá contestar a acusação com novas provas. Só ao final da ação poderá ser considerado culpado ou inocente, em julgamento a ser realizado pela mesma turma do Supremo. Terminado o julgamento, o senador afirmou que provará a 'absoluta legalidade e correção' de seus atos. Junto com o parlamentar, foram denunciados pela PGR e também responderão como réus a irmã dele, Andréa Neves da Cunha, o primo Frederico Pacheco de Medeiros e Mendherson Souza Lima, ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrela (MDB-MG), todos por corrupção.

57% consideram Lula culpado, diz Ipsos; 95% querem continuidade da Lava Jato

  • por Daniel Bramatti | Estadão Conteúdo
  • 14 Abr 2018
  • 18:00h

Foto: Agência Brasil

A maioria da população brasileira (57%) considera que o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado na Operação Lava Jato, é culpado dos crimes atribuídos a ele. O país, porém, está rachado em relação à prisão do petista: 50% são a favor e 46% são contra. Os dados são de pesquisa do instituto Ipsos. "Os resultados mostram que a Lava Jato continua com alto suporte da população e que a prisão de Lula não encerra esse anseio", disse o diretor do Ipsos, Danilo Cersosimo. "Além disso, a polarização do País em torno da figura de Lula segue alta." Conforme o levantamento, a quase totalidade da população (95%) acha que as investigações da Lava Jato devem continuar após a prisão do ex-presidente. Mas há dúvidas sobre a abrangência das mesmas. Para 52% dos entrevistados, não é correto afirmar que "a Lava Jato está investigando todos os políticos". Outros 41% estão de acordo com essa avaliação. A percepção de que "a Lava Jato está investigando todos os partidos" atingiu o mínimo histórico da série de pesquisas Ipsos no fim de semana da prisão de Lula. Apenas 43% dos eleitores manifestaram concordância com a frase, e 47% disseram o contrário. É a primeira vez, em dois anos, que aparece como minoritária a parcela da população que compartilha da avaliação de que todos os partidos são investigados. Em abril de 2016, 66% da população via a Lava Jato como empenhada em investigar todas as legendas - 23 pontos porcentuais a mais do que agora. Na pesquisa, os entrevistadores do Ipsos leem uma série de frases e perguntam se há ou não concordância em relação a elas. O levantamento começou no sábado em que o ex-presidente foi preso e se estendeu até a segunda-feira passada. Foram ouvidas 1.200 pessoas. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos. O levantamento mostra que, mesmo com a convicção majoritária da culpa do petista, existe uma forte percepção de que "os poderosos querem tirar Lula da eleição": 73% concordam com essa afirmação, e 23% discordam. A maioria (55%) também concorda com a avaliação de que "a Lava Jato faz perseguição política contra Lula". Outros 41% discordam. Em relação à afirmação de que "a Lava Jato está mostrando que Lula é mais corrupto que os outros políticos", aparece uma nova divisão: 51% discordam, e 44% concordam. 

Brumado: São confirmadas as pré-candidaturas de Márcio Moreira e “Manelão”

  • Brumado Urgente
  • 13 Abr 2018
  • 17:02h

Márcio Moreira e 'Manelão' firmam dobradinha

Foram confirmadas no final da manhã desta sexta-feira (13), as pré-candidaturas do ex-vereador Márcio Moreira e do empresário Emanuel Araújo, mais conhecido por “Manelão”. A dobradinha entre os dois candidatos promete movimentar o cenário político regional, já que “Manelão” teve uma votação expressiva no último pleito das eleições estaduais, e, o ex-vereador Márcio Moreira é muito conhecido no meio político regional, inclusive, dotado de excelente retórica, sobretudo, em situações que exigiam habilidades de conciliação. E sem falar que Márcio contará com o apoio do maior cabo eleitoral de Brumado no momento, o prefeito Eduardo Vasconcelos, que ao longo de sua trajetória política tem demonstrado competência e maestria no comando do município. Ambos os pré-candidatos disputarão o pleito pelo Patriotas, sendo que, Márcio Moreira concorrerá a Deputado Estadual e “Manelão” a Deputado Federal. A campanha política deste ano promete ser uma das mais disputadas, pois, o número de pré-candidatos deve bater todos os recordes.

Amarildo Bonfim (esquerda) e o presidente do MDB, Jorge Malaquias Filho (direita)

TRF4 marca para dia 18 julgamento de embargos de embargos de Lula

  • 13 Abr 2018
  • 16:00h

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) marcou para o dia 18 deste mês o julgamento dos embargos dos embargos de declaração do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do tríplex do Guarujá (SP). Os embargos dos embargos foram protocolados pela defesa de Lula na terça-feira (11), após a prisão do ex-presidente, no sábado (7), por ordem do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, que não aguardou o julgamento do novo recurso na segunda instância. Na ordem de prisão, Moro escreveu que considera que os embargos dos embargos deveriam ser extintos do ordenamento jurídico brasileiro por ter caráter “protelatório”. Segundo o juiz, o objetivo do recurso seria somente o de adiar o cumprimento da pena de 12 e um mês de prisão a qual o ex-presidente foi condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O embargo de declaração é um tipo de recurso destinado a esclarecer obscuridades e contradições de uma sentença, embora não preveja mudança na decisão final de um julgamento. A defesa, porém, aponta contradições que poderiam, em tese, resultar na absolvição de Lula. Um primeiro embargo de Lula já foi negado por unanimidade no fim do mês passado pela Oitava Turma do TRF4 – composta pelos desembargadores João Pedro Gebran Neto, relator, Victor Laus e Leandro Paulsen. No novo embargo, os advogados de Lula argumentam que, no julgamento do primeiro, o relator Gebran Neto caiu em contradição ao reconhecer, em um trecho de seu voto, que a transferência do tríplex para o ex-presidente nunca foi efetivada pela empreiteira OAS, embora em outra parte tenha escrito que a condenação por corrupção passiva ocorreu devido ao recebimento do bem.

Sem Temer, Maia e Eunício, Cármen Lúcia assume presidência

  • 13 Abr 2018
  • 11:00h

Nesta sexta-feira (13), a presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministra Cármen Lúcia, irá ocupar a Presidência da República, em substituição ao presidente Michel Temer (MDB).  Segundo o G1, a ministra tem previsão de ficar no exercício da Presidência entre a tarde desta sexta e o sábado, já que o presidente Michel Temer vai ao Peru para participar da Cúpula das Américas. Como o Brasil não tem vice-presidente no momento, os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Eunício Oliveira, são os seguintes na linha sucessória. Contudo, eles também realizam viagens ao exterior. Rodrigo Maia embarcou nesta quinta (12) para o Panamá. Lá, ele participa de reunião do Parlatino, o parlamento latino-americano. A previsão é de retorno também no sábado. Eunício embarcou para uma visita oficial ao Japão, com previsão de retornar apenas no fim de semana seguinte

Ciro Gomes aposta que PT vai apoiar sua candidatura à Presidência, diz coluna

  • 12 Abr 2018
  • 17:00h

Foto: Ricardo Stuckert / Instituto Lula

Para o pedetista Ciro Gomes, sem a presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições, o PT não terá outra alternativa senão apoiar sua candidatura à Presidência da República. Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, é por isso que ele tem demonstrado apoio a Lula e distância do Partido dos Trabalhadores. De acordo com a publicação, alguns dirigentes e lideranças da legenda também chegaram à mesma conclusão. Mas Ciro reconhece que a maioria do partido ainda prefere lançar um candidato próprio.

Ciro Gomes deve receber título de cidadão baiano das mãos de Deputado no dia 20 abril

  • 11 Abr 2018
  • 18:00h

Foto: Divulgação

O pré-candidato à Presidente da República do PDT, Ciro Gomes, tem agenda marcada para Salvador no próximo dia 20 de abril onde deve receber o título de Cidadão Baiano pela Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). A informação foi divulgada pelo site Bahia Notícias pelo deputado estadual Roberto Carlos (PDT), nesta segunda-feira (9), durante a inauguração de passarela do governo do Estado em Salvador. “Tratamos com o cerimonial, mas pode mudar com esse processo de Lula. Vamos entrar em contato para definir, mas já está pré-marcado”, disse o parlamentar ao site. As informações são do Bahia Notícias.